-->
terça-feira, 9 de outubro de 2012

Adeus, gases!



Evite mascar chiclete e bala para não arrotar
Eructação 
Nome popular: Arroto.
Definição: Gases do estômago expelidos pela boca.
Responsáveis: Somente nitrogênio (N2) e oxigênio (O2).

Causa: · Pessoas em períodos de grande ansiedade, tensão emocional e estresse engolem muito ar ao falar.
· Quem come rápido, especialmente se tem o hábito de falar durante as refeições ou masca chiclete por longo período, também.
· Bebidas gaseificadas, a exemplo de refrigerantes e cervejas.
· Cigarro: ao tragar, acredita-se que o fumante ingira ar.

Quantidade: Diferentemente dos puns, não há uma classificação determinada como normal. Não arrotar com freqüência também não é considerado uma patologia.

Problema: A aerofagia (deglutição excessiva de ar) pode provocar cólicas estomacais. Além disso, a freqüência exagerada pode ser um dos sintomas de úlcera.

Tratamento: Conhecer a origem dos sintomas diminui a angústia e a ansiedade do paciente. Beber líquido em pequenos goles após as refeições, mastigar bem, evitar chicletes, balas e cigarro, não falar enquanto come e não engolir saliva em excesso, tudo isso reduz a deglutição do ar.
Recomendações: 
1- Se os gases estomacais ou intestinais causarem algum desconforto ou constrangimento, procure um especialista e evite a automedicação.
2- Nenhum alimento é capaz de diminuir a produção de gases. Porém, a prática contínua de exercícios contribui para melhorar o trânsito intestinal e o consumo de iogurtes pode regular a flora.
Consultorias: Bianca Tauil, gastroenterologista do condomínio Downtown, no Rio de Janeiro, e Maria do Carmo Friche Passos, gastroenterologista e professora Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

0 comentários:

Visitas

Seguidores

Marcadores!

newsletter

Translate

Postagens populares