-->
quarta-feira, 24 de julho de 2013

Sneakers : Vejam como Usar








  • Divulgação

Para não fazer feio, é preciso muito cuidado ao usar o modelo, que, apesar de versátil, não é aceito em qualquer look, nem por qualquer tipo físico. Por ser volumoso e chamativo, o sneaker corta a silhueta das mulheres, cria um efeito de pernas mais grossas e pode achatar e engordar quem usa. Para um look harmonioso é preciso equilibrar as proporções: se o sapato for pesado, aposte em roupas mais justinhas ou mais leves e curtas.
As mulheres magrinhas, as mais altas e as com pernas finas são as que melhor ficam com o modelo. Mas se você não tem essas características físicas, pode usar o sneaker com alguns truques:

 Ai vão algumas dicas para você  usar seus sneakers :

- Aposte em um modelo escuro e use com calças também escuras, para não haver cortes muito bruscos na silhueta, deixando o corpo mais longilíneo;
 
 
- No mercado há modelos que não são tão volumosos. Se sua perna é grossa ou curta, fuja dos sneakers com a língua muito grande e aposte nos mais fininhos, de amarrar;
 
 
- As calças skinny ou as leggings são as melhores opções para combinar com os tênis "gordinhos";
 
 
- A combinação com saia ou short faz sucesso. Mas lembre-se de experimentar em frente ao espelho e analisar se não está engordando sua silhueta. Os comprimentos bem curtinhos são os melhores, por mostrarem mais pele e alongarem as pernas;
 
 
 
- Os vestidinhos bem femininos também ficam legais com o sneaker, por contrapor um calçado esportivo, com uma roupa romântica;
 
 
 
- Evite usar com casacos ou coletes muito compridos. Lembre-se sempre de equilibrar as proporções do look. As jaquetas sequinhas, curtinhas ou na altura do quadril são as melhores opções;
 
 
 
- Lembre-se que, apesar do salto, os sneakers são tênis. Ou seja, são restritos a situações informais, que permitem looks mais despojados.

terça-feira, 16 de julho de 2013

O Que é ? E Como Fazer a Umectação Capilar


Olá meninas.

Há muito tempo, ficou conhecida a técnica do banho de óleo, hoje em dia mais conhecido como Umectação Capilar. É realizada pelas mulheres, as indianas são as principais (esse é o segredo daqueles cabelos longos e lindos).

O que é ? É o ato de repor os nutrientes com os óleos vegetais. Para isso é preciso usar óleos 100% natural, sem nenhum óleo mineral.
Uma boa escolha é o Azeite de Oliva Extra Virgem, sim esse mesmo que temos na cozinha. Ele é muito popular na umectação e tem o mesmo efeito do óleo de coco, argan, ojon.. Quando eu fiz minha umectação eu usei o Azeite de Oliva Extra Virgem, tem que ser o extra virgem por ser puro.

Como Fazer ?
Coloque o óleo em um pote e com o cabelo sujo (antes de lavar) vá passando o óleo mecha por mecha enluvando bem e fazendo uma massagem no couro cabeludo.
Existem 2 formas de fazer a umectação.

1- Dormir com o óleo no cabelo: particularmente é o que eu mais gosto de fazer pois vejo mais resultados. Na noite anterior de lavar os cabelos eu faço o procedimento que falei ali em cima. Coloque a touca para não sujar o travesseiro e durma. No outro dia lavo os cabelos com shampoo, passo uma máscara para hidratar as madeixas e por fim passo o condicionador. Durante a noite é o tempo que o óleo leva pra deixar os nutrientes nos fios.

2- Antes da hidratação: Lave os cabelos com shampoo, seque os fios e passe o óleo massageando bem o couro cabeludo. Fique no mínimo 1 hora, enxágue e passe a máscara e condicionador. Eu particularmente não gosto muito desse processo, pois vejo mais resultados dormindo com o óleo. Vai vai de preferencia.

Umectação deixa os fios oleosos?
Muitas mulheres tem essa dúvida. O que realmente deixa os fios oleosos é não retirarmos o óleo do cabelo. Por exemplo, misturar o óleo com a máscara ou passar o óleo puro sendo que depois você não ira passar shampoo. Aplicando os óleos antes do shampoo, o óleo sera retirado totalmente.

Lembrando que não há contraindicação, qualquer pessoa poderá utilizar pois irá oferecer aos cabelos, reposição dos nutrientes, brilho, combate o ressecamento, pontas duplas, fios quebradiços e o frizz. Vale muito a pena.
Veja como ficou o antes e o depois da umectação no meu cabelo.
                                                                          ANTES
                                                                          DEPOIS
Ficou muito diferente né ? Aquelas pontas duplas, ressecadas e quebradiças sumiram, isso já na primeira vez que fiz a umectação.
quarta-feira, 10 de julho de 2013

Dicas Para Ajudar a Escolher Um Sutiã Ideal

Além da cor e do tecido, é preciso prestar atenção também ao modelo, à taça e às alças

Além da cor e do tecido, é preciso prestar atenção também ao modelo, à taça e às alças

Uma boa consulta no espelho também ajuda a chegar ao modelo perfeito, desde que alguns pontos fundamentais sejam considerados.

A taça correta
Se a mama transbordar da taça ou ficar dividida ao meio, você precisa de um tamanho maior. Já se perceber que os seios não preenchem toda a taça, que ela chega a ficar com um vão ou enruga, é sinal de que o modelo está grande. Outro detalhe que indica que o bojo está na medida correta é o ajuste perfeito ao osso esterno, aquele que fica exatamente entre os seios. Para saber, coloque um dedo entre o peito e a parte central do sutiã, entre as taças: se o espaço for apertado, é melhor comprar um número maior; se for muito largo, é provável que o modelo esteja grande.

A faixa 
A faixa do sutiã envolve o tórax e é responsável por 90% da sustentação dos seios. Por esse motivo, ela deve se ajustar perfeitamente ao corpo, ou seja, deve ficar retinha tanto na frente quanto nas costas. Quando essa faixa está muito larga, ela geralmente sobe nas costas e os seios pendem para frente. Já se a faixa for muito pequena, ela aperta e forma dobrinhas indesejáveis nas costas. Os especialistas também recomendam experimentar o sutiã sentada, porque a caixa torácica se expande e, assim, é possível ter
certeza de que ele permanecerá confortável no dia a dia. 

O nível do fecho
Um sutiã novo deve ficar firme no corpo quando estiver fechado no primeiro nível do fecho, isto é, no mais folgado. Isso aumenta a sua durabilidade, já que quando ele começar a lassear pelo desgaste diário ainda poderá ser ajustado. 

As alças
Por incrível que pareça, as alças respondem por apenas 10% da sustentação dos seios pelo sutiã. Para cumprirem bem o seu papel, elas precisam estar bem fixas sobre os ombros, sem comprimi-los e sem cair para os lados. Quando há a necessidade de regular demais as alças, o sutiã provavelmente está grande. 

A armação
O aro de sustentação do sutiã deve estar encaixado embaixo do seio e abraçá-lo por completo. Você não deve senti-lo cutucar a pele ou beliscar, muito menos notá-lo sob a roupa. Na presença de algum desses sinais, escolha uma armação maior. 

O modelo
Seios volumosos pedem modelos com boa estrutura lateral e bojo profundo, para vestir toda a mama. Já os pequenos e os separados são valorizados por modelos que possuem pequenas almofadas dentro do bojo, para aumentar e aproximá-los, e também por sutiãs de fechamento frontal. 

O tecido
Sutiãs para o dia a dia devem ser confeccionados em tecidos confortáveis e que deixem a pele respirar, como o algodão e a microfibra. Modelos sem bojo costumam dar uma sensação liberdade, mas podem comprometer o visual, visto que ele é o responsável por dar forma à mama.
domingo, 7 de julho de 2013

Reconstrução Ácida (Passo a Passo)



Olá meninas.

Nessas férias temos que dar um jeito no cabelo né? Então trago pra vocês um passo a passo de Reconstrução Ácida.
O que é Reconstrução Ácida? É um método para acidificar o cabelo, reduzir o ph fazendo com que feche as cutículas dos fios.
Normalmente os cabelos que passam por processos químicos ou cabelos danificados tendem a ter o ph alto,  com isso fazendo com que as cutículas fiquem abertas. Cabelo que tem o ph ácido (é o natural dos fios) tem escamas mais lisas, macio e com brilho. Alem de fazer com que os tratamentos permaneça mais tempo no interior da fibra. Bora ver o passo a passo ?

Você vai precisar de: 
Shampoo
Vinagre de maçã (é ele que vai fechar as cutículas)
Máscara reconstrutora
Máscara hidratante
Condicionador
Leave-in ou creme sem enxague

Passo a Passo:

1. Primeiramente lave seu cabelo com o shampoo de sua preferência, duas vezes pra ficar limpinho. Em uma vasilha dilua meia xícara de vinagre em quatro xícaras de água. Aplique no cabelo mecha a mecha massageando bem e deixe agir por 5 minutos e enxague.

2. Aplique uma máscara reconstrutora e deixe agir no tempo do fabricante. Enxágue..

3. Após enxaguar o cabelos aplique a máscara hidratante e deixe agir no tempo do fabricante e enxágue novamente.

4. Aplique o condicionador, e na última enxaguada jogue um pouco da água com vinagre que foi usada no inicio.

5. Para finalizar aplique um leave-in ou um creme sem enxágue. Se preferir faça uma escova.

Bem fácil e vale super a pena. Pode ser repetido a cada 15 ou 30 dias para cabelos danificados.
Quando eu fizer nos meus cabelos eu mostro pra vocês!!
Beijos e até o próximo post.

Visitas

Seguidores

Marcadores!

newsletter

Translate

Postagens populares